domingo, 22 de novembro de 2009

Café com Letras


Meninas... esse é um artigo assustador que saiu ontem no site o yahoo... fiquei realmente assustada.... Que país é esse que não lê??? Vejam só...

Apenas 7,47% da população brasileira compram livros não didáticos e destinam à literatura o equivalente a 0,05% da renda familiar, segundo um estudo divulgado no sábado por editores reunidos no Instituto Pró-Livro.
O pouco orçamento destinado à leitura se reflete em que 60% dos brasileiros nunca abrem um livro e, quem tem o costume, lê 1,3 obra literária ao ano, segundo o estudo, baseado em dados oficiais.

A taxa de leitura no país aumenta para 4,7 exemplares por ano incluindo as obras pedagógicas e didáticas.
Segundo o estudo, 75% dos brasileiros que se consideram leitores afirmaram na enquete que sentem prazer na leitura, e o resto admitiu que só lê por obrigação.
A média de leitura dos brasileiros é dez vezes inferior a dos Estados Unidos e quase a metade à da Colômbia, país onde se lê em média de 2,4 livros por ano, segundo as mesmas fontes.
O estudo indica que, no Brasil, 21 milhões de pessoas são analfabetas, incluídas nos 77 milhões de habitantes considerados não leitores, e 95 milhões leem ativamente, segundo dados de 2007.

Apavorante, não? E só há de mudar se houver EDUCAÇÃO...
Um ótimo domingo pra quem passar por aqui... de reflexão e tentativa de fazer alguma coisa pra mudar o quadro.
Volto logo com scrap e novidade quente por aqui!

9 comentários:

Monique disse...

É Laura...o problema é enorme....
Todos os anos recebo queixas de pais, dizendo que os filhos não gostam de ler, e por consequencia leem mal e escrevem mal.
Aí vai a mesma pergunta de sempre:

-Você lê?
Seu filho vê você lendo?

A criança nunca vai criar o hábito de ler, se os pais não leem....

Ótima semana para você!!!
Bjs

Dri Noleto disse...

É uma tristeza, hein, Laura?
Mas o problema está na educação e no costume mesmo!
Como as pessoas vão pensar em comprar livros se precisam colocar comida em casa?
Lembro que no metrô em Londres, cansei de ver as pessoas pegando carona no livro, no jornal e na revista alheios. As pessoas liam o que as outras estavam lendo enquanto ía para o trabalho.
Aqui livro é algo bem caro e pra um poder aquisitivo baixo é praticamente inpossível pensar no intelecto. A barriga sempre fala mais alto!
De qualquer forma é uma tristeza!!!
Bjs e bom domingo!!!

Sica Sena disse...

è uma pena...
aqui em casa eu sou louca por livvros e os meninos tb.
Mal acabo 1 livro, vou pra outro,pena que eu nao tenha o tempo que gostaria para a leitura...mas, enfim...tento...!

beijus

Kátia C. Silva disse...

É uma pena mesmo que seja essa a nossa realidade.
Eu sempre tento ler, mesmo que sejam duas páginas antes de dormir, ajuda a relaxar e esquecer do mundo real... =)
bjssss...boa semana!

patricia dias disse...

Eu já estou fugindo dessa estatística! rsrs Graças a sua indicação estou lendo o livro da Martha Medeiros. Leitura leve e gostosa!


bjos,

Raquel disse...

é triste...mas eu ja imaginava...
eu tiro pelas minhas amigas....
acredito que menos da metade gostam de ler...
enquanto eu sou fissurada por livros.....

Eu nao acredito que as pessoas nao leem porque nao tem condiçoes de comprar livros....
existem sebos, existem bibliotecas publicas, em muitas escolas estaduais tem bibliotecas...
as pessoas nao leem pq nao tem esse hábito....e isso e uma pena

deacafe disse...

é... é uma triste realidade.
algumas considerações:
- como a monique, acho que vai do incentivo e mais ainda, do exemplo dos pais. criança aprende imitando. aprende com a observação dos adultos e do meio a sua volta.
- segundo: não ter dinheiro para comprar livros, não é justificativa para não ler. como a kelzinha disse, existem sebos e bibliotecas públicas. o preço do livro é limitante sim. eu mesma compraria muito mais livros se meu poder aquisitivo permitisse.
- falta incentivo de alguns pais, do governo, de alguns professores (não todos!) e por aí vai a bola de neve. não se criou a cultura. não se criou o hábito. criar hábitos (bons) é importante.
por isso a importância de se criar o hábito de ler dentro de casa. e não esperar só pela escola ou governo. esses são secundários. educação começa em casa.
mesmo assim, vejo pela minha família. meu pai tinha o hábito de ler. minha mãe não. eu e um irmão temos. o outro não. simplesmente não gostam. têm preguiça. e têm condições.
adequar a leitura à idade e gênero que a criança gosta, por exemplo, é um bom começo para torná-la um adulto leitor. e ter o máximo de leitura disponível em casa. porque a tv e net hoje em dia dominam os adolescentes e até os adultos.
fico horrorizada, e é uma triste constatação, qdo vejo que o povo em geral só aprende o que passa na novela das oito. ler que é bom e obter informações de boas fontes, nada... por isso que acredito cada vez mais que cada um tem o país que merece. o que não quer dizer que devemos nos conformar e cruzar os braços. pelo contrário, temos mais responsabilidade ainda em mudar algo.
me empolguei, ri, ri.
beijos!

Angélica Cirne disse...

Que bom que aqui em casa fugimos dessa estatísca, e não é porque temos grana não, pois aproveitamos várias ofertas e não deixamos de comprar livros, esse ano eu e minha filhora já compramos uns 23 fora as leituras da escola e os emprestados. Minha filha de 12 anos tem lido bastante e isso tem me deixado bastante feliz e o estilo bem variado, ela lê desde Crepúsculo a clássicos como os Miseráveis, Orgulho e Preconceito...

deacafe disse...

eu de novo por aqui! depois do meu 'pequeno grande' comentário pensei que ninguém mais tivesse comentado... rsrs. que horror!! (meu comentário)
mas o que me traz aqui é outra coisa! ou a mesma, rs (não liga, hoje to desparafusada!). preciso dar sugestões de presentes de amigo secreto para "me" darem e adivinhe? livro, livro, livro!! rsrs como material de scrap essas duas turmas não saberão me dar (nem de culinária), então pensei: vou correr lá no blog da "laura" pra pegar umas sugestões!! sempre tem um monte de livro que quero, e sempre esqueço de marcar ou não sei onde está a lista! rs agora sei: a lista está aqui!! no "café com letras"!!! iupiii!!! brigadinha, laurinha!! e bom findi! beijos!